Notícias

RESULTADO DO CONTEST – 1 ANO DE GOODBYE LULLABY!

Como o prometido, viemos divulgar as três melhores respostas que estiveram em nosso facebook e fórum. Foi difícil escolher apenas três, mas… Parabéns aos escolhidos, suas respostas são dignas de serem vistas pela própria Avril =)

“Minha cara Lavigne, confesso que nos últimos anos, você fez da minha vida uma montanha russa de impressões e sentimentos sobre a sua música, e devo confessar que não fui o maior fã do seu 3° álbum. Como além de fã eu sou um crítico, sinta-se feliz em ouvir que Goodbye Lullaby superou todas as minhas expectativas, criando temas perfeitos pra momentos diversas na minha vida, criando trilhas sonoras pra cada sorriso que eu abri e cada lágrima que eu derramei, e mais do que tudo, trazendo de volta pro meu coração, aquele sentimento que eu sentia quando eu ouvia sua doce voz iluminando minha noite em músicas como I’m With You e My Happy Ending. Minha pretty darlin, eu queria agradecer à você por me dar esse presente, e por me fazer sentir privilegiado por poder ser seu seguidor, admirador, devoto e mais do que tudo, ser seu fã. Obrigado Mrs. Lavigne, espero que continue seguindo essa mesma trilha de qualidade musical e de paixão à isso que você vem fazendo tão bem por todos esses anos, a mais pura e doce música. Parabéns por mais uma obra de arte.”
FernandoWinchester, membro do fórum ALBR

“Avril: sei que a cada ano você vem crescendo com sua música e a cada cd você nos supreende. Sei que nesse 4ª album você lutou e conquistou mais fans pelo mundo, por isso eu te parabenizo pela sua atitude e pela sua maturidade, que Deus abençõe todos seus passos e não o que digam, importa que você faça nós fans felizes, então Goodbye Lullaby está perfeito.”
William Leal, da nossa página no Facebook

E em primeiro lugar…

“Parabéns, Avril. Com o lançamento de seu álbum, Goodbye Lullaby, em 2011, muitas coisas mudaram. Através do seu amadurecimento musical, nós fãs, crescemos juntos com você. Através de suas músicas contidas no álbum, aprendemos a dizer “que se dane” quando as coisas não estão indo muito bem. Aprendemos a acreditar no amor, mesmo quando muitos desacreditam. Aprendemos sobre o quanto é difícil sentir falta de alguém. Aprendemos a colocar um sorriso em nossos rostos, mesmo com inúmeras dificuldades que nos entristecem. Aprendemos que todos se machucam por alguns dias, mas que as feridas se cicatrizam conforme o tempo. E, principalmente, aprendemos a dizer “Adeus” para que, finalmente, possamos finalizar mais uma página de nossos livros e seguir em frente. Aguardo ansiosamente pelo seu quinto álbum. ‘Uma vez uma estrela negra, sempre uma estrela negra!'” 
Douglavigne2, membro do fórum ALBR

Sobre o autor

21 anos, jornalista, integrante do ALavigne.com.br desde 2008. Administradora e redatora do site/redes sociais.